NEWS: Maria Rita, 15 anos de Amor e Música

mariaritadvd
Foto: Manuela Scarpa/Brazil News

 

Comemorar 15 anos de carreira talvez tenha o mesmo sentido que fazer 15 anos de vida. Momento em que repensamos nossa trajetória e olhamos para frente de maneira mais perspicaz. E, claro, que para Maria Rita não seria diferente. Subir ao palco do Citibank Hall em São Paulo no dia 07 de julho de 2017 não deve ter sido uma tarefa fácil, acredito eu. Encarar de frente uma plateia a espera de novidades e em momentos de segundos se enxergar com 22 anos (estreia profissional) de novo, fizeram o espetáculo ainda mais especial mesmo que este sentimento tenha sido só dela. E pensando nisso, acreditamos que foi o público quem ganhou um lindo presente. O show vibrante e colorido, contou com 3 trocas de figurinos e participações de Zeca Pagodinho cantando Casal Sem Vergonha“, Banda Didá nos tambores de “Aquarela Brasileira” e Marcelo D2 com quem dividiu Cara Valente“, música já requentada mas que ganhou fôlego no dueto jamais esperado. Ponto para a cantora! “Santa Chuva”, um hino e uma música muito querida  e que estava ausente dos repertórios desde 2008 na turnê “Samba Meu”, teve o destaque merecido. Acho que os fãs da artista mereceram ouvi-la novamente. As inéditas “Reza”, “Cadê Oba” e “Pra Maria” chegaram para afirmar que MR sabe escolher (e muito bem) o que cantar. Canções lindas e mais lindas ficaram na voz de Maria que mesmo rouca fez o show continuar. “Asa Branca” e o incrível cenário nos levaram ao sertão nordestino. Dividido em cinco blocos, o show foi gravado para gerar DVD e CD ao vivo. Pretinho da Serrinha e Maria Rita assinam a produção musical. O único número que teve o tack repetido foi o em dupla com Zeca que disse estar muito nervoso na presença de Rita. O bis ficou por conta de “Amor e Música” na versão samba, já que na abertura foi a capela. Com efeito especial, uma espetacular chuva de papel picado coloriu com louvor o público que com amor abraçou simbolicamente Maria Rita que agradeceu antecipadamente: “Ta, tipo difícil de segurar, mas como eu tô em família, e se eu perder a minha linha, vocês me dão esse colo”. Amor e Música definem muito bem o novo trabalho que deverá chegar as lojas a partir de outubro deste ano.

Por: Márcio Costa.

Anúncios